Espanha Total

o que comer em Valência

quando ir a Valência | como chegar em Valência | como se locomover em Valência | onde se hospedar em Valência | o que fazer em Valência | atrações imperdíveis de Valência

o que comer em Valência

A comida é uma parte essencial da experiência valenciana. Saiba mais sobre o prato mais famoso de Valência, a universal paella, e leia sobre os tipos de bebidas que vão matar sua sede.

o que comer em Valência

A cultura das tapas

Quando se pensa na Espanha e sua culinária, a primeira ideia que vem à cabeça são as tapas. Associamos as tapas à Espanha como a massa à Itália ou o curry à Índia.
O que são exatamente as tapas? As tapas são “pequenos pratos” típicos da Espanha toda. As combinações de ingredientes que podem ser encontrados nas tapas são infinitas, a variedade de tapas é interminável.

Comer tapas é parte da cultura espanhola e uma forma de se relacionar socialmente com os outros. Existem tapas incríveis desde o norte, na Galícia, até o ponto mais ao sul, nas Ilhas Canárias, na direção da África.

Mesmo não tendo a fama de outras cidades espanholas como Sevilha ou Granada, Valência tem uma fantástica cultura da tapa, com uma extensa variedade de pratos e ingredientes.

De tapas

Os valencianos adoram salir de tapas, um ingrediente essencial da vida na cidade. Tapear é um ritual social. Porém, muito informal. Por isso os bares normalmente ficam lotados, com muita gente tendo que comer em pé ou ao redor de pequenas mesas. Os bares de tapas são barulhentos, lotados e com uma atmosfera própria.

Quando o tempo permite, muitos bares colocam mesas na rua e nas praças (criando as populares terrazas) onde é possível sentar, comer, beber e, ao mesmo tempo, contemplar a vida da cidade. Na primavera, no verão e no outono, as ruas do centro histórico de Valência são ponto de encontro de locais e turistas.

Uma dica para vegetarianos

A Espanha não é um país de vegetarianos. Por isso, a comida não é adaptada para este coletivo. Mesmo as tapas que aparentam ser, “sem dúvida nenhuma”, vegetarianas, com frequência têm carne ou peixe. Por exemplo, a clássica ensaladilla (salada de batata) é servida com camarões e os cogumelos na grelha são servidos com quadradinhos de presunto curado.

A melhor solução é pedir para o garçom tapas sem carne ou peixe: “Soy vegetariano/a. ¿Qué tapas tiene sin carne ni pescado?”. Caso não seja radical, sempre dá para separar de um lado todos os ingredientes não-vegetarianos!

o que comer em Valência

Pratos típicos de Valência

Indo além das tapas, a culinária valenciana é famosa no mundo todo por ser o berço da paella. O arroz, ingrediente principal da paella, está na base de culinária valenciana.

Veja várias delicias de Valência que você deve conhecer:

  • paella valenciana. A maioria dos que visitam Valência ficam surpresos ao descobrir que a tradicional paella valenciana não se parece muito com a paelha divugada no exterior e encontrada nos restaurantes turísticos da Espanha. A verdadeira paella valenciana, veja só, não é elaborada com frutos do mar e sim com ingredientes como vagens e carne de frango e de coelho. Se você estiver atrás de frutos do mar, peça uma paella marinera.
  • arroz caldoso. Quem quiser ir além da paella, pode experimentar um arroz caldoso, um prato elaborado com arroz de formato mais arredondado, que pode ser cozido com verduras e legumes, ou com carne, ou frango, ou peixe, ou ainda com frutos do mar. Não é parecido com um risoto, pois é servido com mais água, parecendo mais com uma sopa.
  • arroz meloso. Uma forma de preparar o arroz que culmina em um resultado parecido ao risoto, um arroz com uma consistência que nem é seco nem é arroz caldoso. Pode vir acompanhado de carne, peixe ou marisco.
  • arroz a banda. Originariamente um prato de pescadores, é elaborado com arroz, molho de peixe e camarão.
  • arroz negro. Ainda no território do arroz, muito importante na culinária mediterrânea, seu preparo é feito no mesmo recipiente da paelha. O prato leva basicamente arroz branco, lula, sépia (uma espécie de lula grande e bem branca) e camarões pequenos, tudo preparado com caldo de peixe, condimentos e tinta de lula, que dá a cor característica e nome ao prato.

o que comer em Valência

Bebidas típicas de Valência

Muitos acreditam que os espanhóis bebem sangría o tempo todo, quando na verdade as bebidas mais populares são outras. A seguinte lista apresenta algumas bebidas que podem ser pedidas em Valência, o ano todo:

  • Cerveza (cerveja): a cerveja é tão popular na Espanha que o país é o quarto produtor europeu de cerveja lager e o décimo do mundo. A maioria dos espanhóis bebe cerveja como se fosse um refrigerante. A marca mais popular em Valência é a cerveja de origem holandês Amstel, que é fabricada em Valência. Experimente também a cerveja local Turia Märzen.
  • Vino (vinho): Valência conta com uma denominação de origem, a Valencia. O vinho é muito consumido durante as refeições ou como acompanhamento dos tira-gostos. Tinto, branco ou rosé, escolha o vinho da sua preferência.
  • Agua de Valencia. Um coquetel elaborado com cava (o espumante espanhol), suco de laranja, vodka e genebra. Costuma ser servido em jarras grandes.
  • Horchata de chufa. É uma bebida originária de Valência, muito popular em outras partes da Espanha também. A horchata é vendida o ano todo, mas como é uma bebida muito refrescante acaba sendo uma ótima pedida durante os meses mais quentes do ano. A horchata é uma bebida não alcoólica elaborada com água, açúcar e os tubérculos de uma planta herbácea chamada chufa (Cyperus esculentus). A horchata deve ser consumida fria e com fartons, uma espécie de pão de ló retangular, que é um acompanhamento clássico. Ao longo dos roteiros do Valência em dois dias indicamos algumas das melhores horchatas de Valência.
  • Sangría: é preparada com vinho tinto, suco de laranja (ou refrigerante de laranja), pedaços de pêssego, laranja e limão e muitas pedras de gelo. Costumava ser uma bebida muito popular no verão, porque é refrescante, barata e fácil de preparar. Mas hoje é consumida principalmente por turistas em bares e restaurantes onde é servida em grandes jarras.
  • Tinto de verano: uma bebida muito popular no verão. É menos forte que a sangria e é preparada com vinho tinto e gaseosa.
  • Granizado: uma espécie de raspadinha mais líquida, muito consumida no verão. O sabor mais popular é o granizado de limón, preparado com limão siciliano e pedras de gelo moídas. Normalmente é comercializado nas sorveterias durante o período de calor.

Valência no Espanha Total

O texto Valência contém o índice de informações sobre Valência no Espanha Total. Os textos mais importantes são:

quando ir a Valência | como chegar em Valência | quantos dias ficar em Valência | como se locomover em Valência | onde se hospedar em Valência | o que fazer em Valência | atrações imperdíveis de Valência | o que comer em Valência

Mais informação sobre Valência

valencia em dois dias

Veja Valência em dois dias, nosso guia com tudo o que você precisa saber para aproveitar Valência ao máximo durante dois dias.

Você vai adorar nosso guia, que conta com dois roteiros que resolvem o problema de como organizar seu tempo em Valência. Você faz um investimento na aquisição do guia de Valência e tem à disposição toda a informação essencial para aproveitar essa bela cidade ao máximo.

Por menos do que você vai gastar em um café da manhã para duas pessoas, você resolve sua viagem para Valência, aproveitando 100% seu tempo e sabendo que não vai precisar se preocupar com o planejamento, que você não vai perder nenhum lugar de interesse na cidade e que ainda vai fazer grandes descobertas culinárias. Você pode guardar o guia no seu seu tablet ou smartphone e consultar os roteiros ao longo do caminho, mesmo que não tiver acesso à internet.

Cada um dos roteiros conta com um mapa para poder seguí-los com facilidade. E uma coisa muito legal dos roteiros do guia é que contam com dicas exclusivas de bares e restaurantes ao longo de cada um deles. Veja, aqui, todas as informações sobre o guia, que acreditamos ser um ótimo investimento para que o aproveitamento da sua viagem seja total.

Além disso, os leitores dos nossos guias, inclusive o guia de Valência, contam com uma consultoria de roteiros, um serviço gratuito e exclusivo destinado a tirar dúvidas sobre a organização e otimização da sua viagem à Espanha.

3 comentários em “o que comer em Valência”

  1. Olá Tony,

    Acabo de adquirir o guia Valência em dois dias, e gostaria de parabenizá-los pelo material de qualidade no guia e no site.
    Dentre as sugestões de restaurantes, (Casa Roberto, Restaurante Alfábega e Restaurante Oliveira), aparentemente o Alfábega e o Oliveira estão fechados permanentemente. Por isso, gostaria de saber se vocês possuem outras boas sugestões de restaurantes.
    Estaremos em Valência do dia 01/02 ao dia 03/02.
    Obrigada.

    1. Bom dia, Fernanda, seja muito bem-vinda ao site. Que bom que você gostou do guia de Valência. Pois é, é muito azar que dois restaurantes indicados no guia fechem no mesmo ano. Atualizamos todos nossos guias uma vez por ano (queremos oferecer o produto mais atualizado possível!), mas quando acontece um fechamento na metade do ano, não há muito o que possamos fazer. A próxima edição do guia de Valência deve sair em breve, mas enquanto isso, podemos compartilhar com você um dos restaurantes que muito provavelmente vai entrar no lugar do Oliveira e Alfábega: o restaurante Habitual, que é o novo projeto do estrelado chef local Ricard Camarena. O restaurante fica no andar inferior do Mercat de Colón. Os preços da carta são salgados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima