Menu

como viajar de Sevilha a Granada

como viajar de Sevilha a Granada como viajar de Sevilha a Granada

No presente texto vamos apresentar as diferentes formas de transporte para viajar de Sevilha a Granada.

1. De Sevilha a Granada de trem

Sevilha e Granada costumavam estar conectadas por vários trens operados pela RENFE.

Os trens com destino a Granada partem da Estación Santa Justa em Sevilha.

Veja nosso dossiê formado por 12 textos que abordam diferentes assuntos relacionados com as viagens de trem-bala: tudo sobre o trem-bala na Espanha.

2. De Sevilha a Granada de ônibus

A empresa Alsa opera a rota de ônibus entre Sevilha e Granada. A viagem mais rápida leva 3 horas.

Os ônibus partem de Sevilha da Estación Plaza de las Armas e chegam na Estación de Autobuses de Granada.

Confira preços e horários no site de Alsa.

3. De Sevilha a Granada de carro

Há 248 km de distância entre Sevilha e Granada.

O trajeto é feito por rodovias não pedagiadas. O tempo aproximado de viagem é de 2 horas e 30 minutos.

Veja detalhes da rota aqui.

E não perca nosso dossiê especial com tudo o que você precisa saber sobre dirigir na Espanha.

4. Guias sobre Sevilha e Granada


Conheça nossos guias dedicados a Sevilha e Granada: Sevilha em dois dias e Granada em dois dias

59 comentários em “como viajar de Sevilha a Granada”

    1. Avatar

      Sim, há um estacionamento pago. Mas vocês deverão ter um cuidado extremo ao atravessar o centro de Granada, sendo que muitas ruas são exclusivas para residentes e vocês poderão ser multados se acabarem passando por elas. Abraço.

  1. Avatar

    Bom dia Tony, adoro seu blog, já utilizei antes e me foi muito útil. Também amo a Espanha e estou indo novamente para lá. Esta informação de que há ruas em Granada exclusivas para residentes eu desconhecia. Estou indo para lá também e quero saber se existem placas indicativas. Quero ir de Sevilha para Granada de carro, ou você acha melhor ir de trem mesmo?
    Obrigada.

    1. Avatar

      Prezada Vera, se você escolher viajar de Sevilha a Granada de trem, deve saber que a parte final da viagem é feita de ônibus (no nosso Granada em dois dias explicamos em detalhe esta situação e apresentamos as diferentes opções para sair da estação de trem e da rodoviária). A circulação de carros no centro de Granada é restrita para residentes. Se você estiver se hospedando em um hotel no centro histórico vai ter seu acesso liberado. Veja aqui as ruas com acesso restrito. Abraço.

  2. Avatar

    olá Tony,
    venho acompanhando seu blog mais de perto nas últimas semanas – vou para Espanha agora em junho.
    já conhecia e sou super fã!
    gostaria de saber sobre a visita ao Alhambra: indo de ônibus ou trem, chega direto ao Castelo ou tem que completar o acesso? estarei em Sevilha e pretendo fazer um bate-volta (mesmo dia) – vc acha que dá pra visitar o Castelo e andar um pouco por Granada?
    obrigada pela atenção e parabéns pelo blog!
    abraços, Márcea

    1. Avatar

      Bom dia, Márcea, seja bem-vinda ao Espanha Total. Há muito tempo estabelecemos, como política editorial do site, o respeito às decisões dos nossos leitores. Afinal de contas, o dinheiro, o tempo e a viagem são suas. Mas também é política editorial trabalhar pelo turismo sustentável, desincentivando práticas que entram na categoria do maraturismo. Granada como um bate-volta desde Sevilha, no mesmo dia, é maraturismo extremo. Você vai passar mais tempo na estrada que no destino. O trem ou o ônibus vão deixar você longe da Alhambra. Você vai ter que se locomover até o centro e do centro até La Alhambra. Indicamos Granada para quem pode dedicar dois dias para a cidade.
      Já não há mais ingressos para visitar La Alhambra na primeira metade de junho. Os ingressos para a segunda metade vão esgotando aos poucos. Se você resolve não seguir nossa orientação, não deixe de providenciar seus ingressos o antes possível. Abraço.

      1. Avatar

        Oi Tony, já de volta da viagem – maravilhosa!
        entrei por Madrid (4 dias), fiz bate-volta à Toledo; fui à Santiago de Compostela (4 dias), desci para Sevilha (3 dias), seguindo pra Cadiz (8 dias) – de lá, uma esticada curta ao norte de Marrocos (3 dias). foram 3 semanas e deu tudo super certo!!

        as dicas desse site foram muito valiosas! se puder complementar, sugiro o free walking tour, disponível na maioria das cidades – super bacana!!
        mais uma vez, obrigada por suas contribuições! Abraço.

        1. Avatar

          Muito obrigado pelo seu retorno, Márcea, ficamos muito felizes ao saber que sua viagem foi um sucesso. Somos totalmente contrários aos free tours que, na verdade, são uma forma de exploração laboral (não existem serviços profissionais “gratuitos”, alguém paga sempre a conta) além de uma forma maciça de sonegação de impostos. Eles estão contribuindo de forma importante à degradação dos lugares turísticos das principais cidades espanholas. Aproveitam o sucesso turístico das cidades para lucrar, sem dar nada em troca. Preferimos a contratação de serviços turísticos legais. Abraço.

          1. Avatar

            oh Tony, realmente, não imaginei que era algo tipo sonegação: não teria topado!
            pensei ser algo alternativo; organizado por tipo de associações alternativas, mas, de algum modo, oficial. além disso, ñ vi algo que me parecesse “degradação”…
            tenho gostado muito das perspectivas de romper com a forte exploração de empresas consolidadas [?] que, nem sempre valorizam as identidades locais – mas essa é outra (e longa) discussão!
            olha aí…: mais um mérito do seu site! provoca a gente pensar sobre o que é [ou pode ser] fazer turismo. para mim, certamente, ñ é consumir o lugar! rsrsrs…
            obrigada, sempre!!

            1. Avatar
              Tony | ESPANHA TOTAL

              Olá de novo, Márcea, como já falamos, queremos encontrar o tempo para escrever com mais detalhe sobre o assunto. O guia de um free tour precisa necessariamente apresentar a melhor imagem possível, porque seu salário são as gorjetas que os turistas dão para ele. Ele não tem previdência, não tem nenhum tipo de seguro, se ficar doente é problema dele. É um tipo de relacionamento trabalhista que nos deixa bem indignados. Já imaginou se o salário dos “profissionais” fosse as gorjetas. Pode até existir exploração por parte de empresas consolidadas, mas pense que na maioria trata-se de guias profissionais que investiram pesado para se formar, obtiveram uma permissão oficial para trabalhar como guias, e ganham para pagar suas contas, como qualquer outro profissional. Não há nada de errado nisso. Os free tours não proporcionam qualquer retorno às cidades que recebem a atividade turística, como seria normal com todos os profissionais que têm que pagar seus impostos. Vamos lembrar de você e na hora que publicarmos o texto sobre os free tours avisaremos por email. Grande abraço!

  3. Avatar

    Olá Toni, tudo bem? Adoro seu blog, estou indo p Espanha em julho e estou acompanhando tudo por aqui. Toni, vou fazer o trajeto de Sevilha a Granada, de carro, e gostaria de saber se é uma viagem tranquila? Abraço

  4. Avatar

    Olá Tony, bom dia, uma informação por favor, vou para Espanha dia 07.09.17 , dia 14.09.17 saio de Sevilha para Granada, retorno para Sevilha outra vez dia 16.09.17, como faço para ir até Granada, mais fácil ônibus ou trem? Visto que pesquisei não ter vôos entre as duas cidades.

    1. Avatar

      Bom dia, Ronaldo. A escolha vai depender das suas preferências e orçamento. É importante entender que, no presente momento, não há trens chegando na cidade de Granada, e se você comprar uma passagem para viajar de trem até Granada, vai fazer a última parte da viagem de ônibus (no nosso Granada em dois dias apresentamos esclarecimentos detalhados sobre o assunto). Abraço.

  5. Avatar

    voce recomenda algum roteiro para fazermos sevilha/granada de carro pela rota dos pueblos blancos, passando por ronda? neste caso seria melhor dormir em ronda ou dá pra deixar pra dormir em granada?

  6. Avatar
    Yêda Costa Saraiva da Cruz

    Oi Boa tarde
    Vou à Espanha em maio de 2018 e um dos percursos que vou fazer é Granada/Sevilha.
    Pergunto: Quyal o melhor meio de fazer este percurso?
    tenho 78 anos e viajo sozinha.
    Gosto muito de seu blog. que tem me dado ótimas dicas.
    Agradeço sua resposta.
    Abraços
    Yêda Saraiva

    1. Avatar
      Tony | ESPANHA TOTAL

      Prezada Yêda, seja bem-vinda ao Espanha Total. A forma mais tranquila de fazer Granada>Sevilha é o ônibus, porque não envolve nenhuma troca de meio de transporte. Como no momento o trem não chega em Granada, a viagem “de trem” é, na verdade, feita primeiro de ônibus, e mais tarde de trem. Abraço!

  7. Avatar

    Oi, Tony! Estou planejando minha viagem em janeiro e tenho tido dificuldade para comprar passagem de ônibus no site da ALSA. Você já recebeu alguma reclamação do tipo? Tem algum macete para comprar no site? Parabéns pelo trabalho e por todas as dicas. Estão sendo muito úteis para o meu planejamento 🙂

      1. Avatar

        Oi, Tony. Consegui resolver! O pagamento não estava processando pelo cartão de crédito, mas consegui fazê-lo pela conta Paypal. Obrigada pela prontidão mesmo assim. Abraços 😉

  8. Avatar

    Oi, Tony ! Viajaremos na primeira quinzena de fevereiro de 2018 . Nosso roteiro será 5 dias em Madrid – trem bala – 2 dias em Córdoba-?? – 3 dias em Granada – ônibus- 4 dias em Sevilha – trem bala – Madrid O melhor deslocamento seria este? Como ir ide Córdoba para Granada ? Faremos bate e volta Toledo e Segóvia a partir de Madrid . A distribuição dos dias está OK ?

  9. Avatar

    Olá Tony.
    Preciso de uma ajuda.Por favor!
    Chego em Madri dia 12/03/18 e tenho 21 dias de viagem sendo que quero ficar apenas 2 dias em Madri, depois 1 dia em Toledo. Tenho a intenção de alugar um carro e descer para regiao da Andaluzia como Granada, Ronda, Sevilha e depois descer para Jerez e Chiclana de lá Frontera ….será que vale a pena fazer esse trajeto todo de carro?

    1. Avatar

      Prezado Rubens, no presente texto respondemos dúvidas sobre como viajar de Sevilha a Granada. Respondemos as consultas sobre como distribuir seu tempo pela Espanha na nossa consultoria de roteiros, um serviço gratuito para os leitores dos nossos guias. Abraço!

  10. Avatar

    Caro Tony,

    Tem como informar se o trem-bala de Sevilha para Granada ainda está com finalização na estação de Antequera-Santa Ana para depois ir para Granada de ônibus, ou já vai direto para Estação Granada?

    Grato,

    1. Avatar
      Tony | ESPANHA TOTAL

      Bom dia, George, a informação no texto acima está atualizada. Até hoje, não existe previsão nenhuma para a finalização das obras do trem-bala. Sua dúvida sobre o ônibus está explicada no texto: “o ônibus de conexão vai deixar você na estação de trem de Granada, e não na rodoviaria.” Abraço.

  11. Avatar

    Boa noite Tony, parabéns pelo blog.. Muitas informações valiosas.
    Você sabe informar o por que da variação dos preços passagens de ônibus pela ALSA ( Sevilha a Granada) por dia, ou seja, a diferença de quase de 300% de um dia para outro, exemplo no sábado é 7 euros no domingo 24 euros.
    Diante dessa variação sera mais barato comprar na bilheteria da estação do que comprar pelo site?
    Grtata,
    Monica

    1. Tony | ESPANHA TOTAL
      Tony | ESPANHA TOTAL

      Bom dia, Monica. A Alsa opera da mesma forma que as companhias aéreas. Ajusta os preços em função do dia da semana, do horário e da procura. Comprando na bilheteria o habitual é que: a) você corre o risco de não encontrar assentos, especialmente na temporada alta; b) você pague a tarifa cheia. Abraço.

  12. Avatar

    Olá Tony, tudo bem? Vou fazer o trajeto inverso ao dito por aqui: Granada-Sevilha, em 10/12/18, e só encontro passagens de ônibus para compra (estou olhando pelo trainline). Está certo isso, né? Por causa da obra que não deixa o trem chegar (ou sair) de Granada? E você saberia me dizer se são confortáveis esses ônibus pro trajeto de 3h?
    Espero sua resposta. Obrigada!

    1. Tony | ESPANHA TOTAL

      Bom dia, Bruna, a Renfe não está disponibilizando no sistema passagens para esse percurso. Mas a viagem de trem (que é, na verdade, uma combinação de trem e ônibus), acaba sendo mais demorada que a viagem de ônibus. A viagem de ônibus é feita pela maior empresa da Espanha, a Alsa. Os ônibus são novos, mas não espere o conforto de um ônibus semi-leito no Brasil. Dá para encarar tranquilamente a viagem de 3 horas, aproveitando para contemplar a paisagem da Andaluzia. Abraço.

      1. Avatar

        Bom dia Tony! Ótimas informações! Parabéns e obrigada!
        Vou viajar em junho 2019 e vi que a previsão do AVE é para junho… Estou na dúvida sobre comprar as passagens de ônibus agora ou esperar um pouco mais… o que vc pensa? Obrigada mais uma vez!

        1. Tony | ESPANHA TOTAL
          Tony | ESPANHA TOTAL

          Bom dia, Talita. Já foram anunciadas tantas datas para a inauguração da linha até Granada que desconfiamos de tudo. Se você achar um preço bom para suas passagens agora, compre. Abraço.

  13. Avatar

    Estou vendo compra de passagem de onibus ALSA pela trainline, de Sevilla para Granada. Irei eu, esposa e 2 crianças menores de 4 anos. Quando vou de trem bala, estas crianças são isentas de tarifas, porém no onibus Sevilla-Granada as crianças estão sendo cobradas (até mais caro que os 2 adultos). Sabe se é isso mesmo, cobra-se crianças de colo?

    1. Tony | ESPANHA TOTAL

      Olá de novo, Fernando. Indicamos a compra de passagens de trem-bala no site da Trainline, mas para as passagens de ônibus indicamos comparar os preços oferecidos pela Trainline com os preços do site da Alsa, sendo que nunca usamos a Trainline para comprar passagens de ônibus. A gratuidade no transporte de menores de 4 anos no trem-bala é um assunto da Renfe, cada empresa tem critérios diferentes. Pelo que sabemos da Alsa, os menores de 4 anos tem desconto de 100%.

      1. Avatar

        Olá. Tudo bem? Vi seu blog e achei muito legal. Quero saber, por favor, se já tá liberada a ferrovia até Granada ou ainda temos que fazer conexão com ônibus? Muito obrigado. E o ônibus tá incluído no preço q vc vai pagar de trem ou é a parte?

        1. Tony | ESPANHA TOTAL
          Tony | ESPANHA TOTAL

          Bom dia, José. Ainda não foi completamente liberada a ferrovia até Granada, o que deve acontecer até o fim de 2019. O valor do ônibus está incluído no preço que você vai pagar. Você paga para a RENFE te levar de Sevilha a Granada. Abraço.

  14. Avatar

    Olá Tony,
    Lendo o seu texto, ficou uma dúvida: Gostaria de saber como se dá a baldeação trem-ônibus (ou vice-versa) em Antequera. É muito perrengue estando com malas e uma criança pequena? Pergunto isso não em função do trecho acima que julgo ser melhor de ônibus, mas em função do Madrid-Granada (que tb conta com tal baldeação).
    Obrigado

    1. Tony | ESPANHA TOTAL

      Bom dia, Eduardo. Você já deve ter lido o texto acima onde explicamos que “Logo depois de chegar na estação de Antequera, você vai desembarcar com sua bagagem e se dirigir à saída da estação, seguindo a sinalização que indica a direção da parada de ônibus. A troca é muito tranquila e está bem organizada.” Não deve ser perrengue, não. Abraço.

  15. Avatar

    Bom dia!
    Esse site é o mais completo que já vi sobre turismo na Espanha. Parabéns!
    Vamos a Sevilha no início de fevereiro e gostaríamos de ir a Granada. Conforme você falou, um bate volta no mesmo dia de Sevilha a Granada seria um maraturismo, haja visto que são 3 horas de viagem de ônibus. E se nós saíssemos de Sevilha de manhã, dormíssemos 1 noite em Granada e retornássemos no fim do dia pra Sevilha? A viagem de ônibus é tranquila e confortável? Seria muito cansativo? Somos um casal que já maduro. Um abraço!

    1. Tony | ESPANHA TOTAL

      Bom dia, Luiz Gustavo, seja bem-vindo ao Espanha Total. Como percebemos que você é uma pessoa aberta a sugestões, vamos dar nosso palpite sobre Granada, para finalmente responder sua dúvida. Granada é uma das cidades mais incríveis da Espanha. Infelizmente, é uma das mais afastadas, dá um trabalho danado chegar nela e quem a visita, dificilmente volta, pela dificuldade de encaixá-la em um roteiro. Do jeito que você pode voltar facilmente para Madri, ou mesmo não acontece com Granada. Então, ir para uma cidade fantástica para ficar sem tempo de conhecer o mais básico é uma receita para o arrependimento. Por isso, na medida do possível, animamos nossos leitores a dedicar um mínimo de três noites para Granada, com o intuito de contar com dois dias completos na cidade. Do jeito que você está planejando, ia contar com um dia na cidade (uma tarde e uma manhã). Poderia dedicar a manhã para visitar La Alhambra, mas no caso da tarde, ia ter que escolher entre visitar o centro da cidade ou o bairro do Albaicín de forma acelerada (nosso roteiro pelo bairro no Granada em dois dias ocupa um dia completo). Dá para fazer unicamente uma noite em Granada? Dá. A viagem de ônibus é tranquila e você vai curtindo as paisagens. Mas vai ficar sem tempo para conhecer o básico da cidade? Vai. Tudo depende da organização geral do seu roteiro, quem sabe não dá para tirar um dia de algum outro destino (na consultoria de roteiros ajudamos com a otimização das viagens). Abraço!

    2. Avatar

      Toni,boa tarde. Necessito saber qual o melhor meio de locomoção entre Sevilha e granada, isto é, se de trem ou de ônibus. Aqui no Brasil há dúvida se o trem e direto ou há conexão com ônibus na estação de antiquara, em razão de aparelhamento da ferrovia para o trem bala.. Aqui também só vendem passagens de segunda classe.

  16. Avatar

    Bom dia Tony,
    Pretendo ir de Granada a Sevilha de carro passando por Ronda e Málaga na ultima de semana de outubro/19. Gostaria de saber se nesta época existe a possibilidade de haver neve nas estradas.
    Grato

    1. Tony | ESPANHA TOTAL
      Tony | ESPANHA TOTAL

      Boa tarde, Antonio. É altissimamente improvável (preferimos evitar o termo impossível) encontrar neve nas estradas que você vai percorrer no final de outubro. Abraço.

  17. Avatar

    Olá. Parabéns pelo site. Adorei.
    Estou programando viagem para a Espanha em Dezembro e, depois de muito pesquisar, achei melhor chegar direto de Madrid a Granada para depois continuar viagem para Sevilha.
    Pelo que entendi o melhor meio de transporte entre as duas cidade, para quem não dirige, é ônibus. Mas somos idosos e estaremos com duas malas grandes e duas malas de bordo. Como não conhecemos nenhuma das duas estações de ônibus, estamos com medo de encontrar escadas e outras dificuldades para acesso aos ônibus tanto na rodoviária de Granada, quanto na de Sevilha. Vc saberia nos dizer o que encontraríamos como obstáculos para viajar com tanta bagagem? Há algum serviço de transfer que pudéssemos usar porta a porta entre as duas cidades? Outro meio de transporte que nos fosse útil ? Desde já grata

    1. Tony | ESPANHA TOTAL

      Bom dia, Elizabeth, seja bem-vinda ao EspanhaTotal (e ao passaporteBCN e o passaporteMADRI). Na verdade, não conhecemos nenhum serviço como o indicado por você. No caso do trem, a empresa RENFE oferece um serviço de acompanhamento para ajudar com o embarque e desembarque no trem. Mas o mesmo serviço não existe para o ônibus. Nossa orientação é que vocês cheguem com bastante antecedência na rodoviária de Granada e planejem todos seus movimentos com muita calma, para que tudo de certo. Quando você conta com tempo, tudo fica mais fácil. Abraço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima