Menu

comidinhas espanholas para levar para casa

Redigimos o presente texto pensando naqueles que, como nós, encontram prazer nas descobertas culinárias realizadas nas suas viagens pelo planeta. Infelizmente, nem todas as iguarias podem ser levadas na mala de volta para casa (como seria legal poder transportar uma deliciosa paella!), e por isso não vamos nem mencioná-las.

O foco aqui está naqueles produtos que você vai poder encontrar em lojas e mercados, cumprindo os seguintes critérios:

  • são delícias típicas da Espanha.
  • são produtos de fácil transporte.
  • são produtos cuja entrada no Brasil está permitida pelas autoridades (veja mais detalhes no final do texto).

Então, veja a seguir uma lista de deliciosas ideias para prencher os espaços vazios da sua bagagem!

Turrón

O turrón é uma delícia típica do Natal. Geralmente está elaborado com mel ou açúcar e amêndoas, além de clara de ovo, que é um ingrediente opcional.

  • Quais marcas comprar: procure por marcas de varejo como 1880, Antiu Xixona, Lacasa, Delaviuda, El Lobo, Suchard ou El Almendro, todas de excelente qualidade. O tradicional fabricante catalão Vicens conta com uma linha de turrones gourmet, desenvolvida pelo chef Albert Adrià, irmão de Ferrán Adrià. O turrón costuma ser comercializado na forma de tablete, similar a um tablete de chocolate mas com uma espessura maior.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: nos supermercados, a temporada mais forte de vendas de turrón é o mês de dezembro. É quando você vai encontrar o maior número de marcas e sabores. Finalizada a época de Natal, os comércios reduzem o preço do turrón, que deve ser vendido o antes possível. Janeiro é um mês fantástico para comprar turrón a preços muito amigos. Nas lojas especializadas é possível comprar turrón durante os 12 meses do ano.
  • Transporte: ao se tratar de um produto sólido e compacto, sem risco de quebrar, pode ser colocado tranquilamente na mala.

Pimentón de la Vera

O pimentón é um tempero em forma de pó vermelho, conhecido como páprica em português. É elaborado usando diferentes variedades de pimentões vermelhos. É muito utilizado na culinária espanhola. Vários alimentos muito conhecidos, como o pulpo a la gallega ou o chorizo não seriam possíveis sem o pimentón. O melhor pimentón da Espanha é produzido na Denominação de Origem Pimentón de la Vera.

  • Quais marcas comprar: procure sempre uma marca que forme parte da Denominación de Origen Pimentón de la Vera. Ele é apresentado em três variedades diferentes: dulce (doce), agridulce (agridoce) e picante (apimentado). Escolha dependendo do seu gosto.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: o Pimentón de la Vera é vendido em umas latinhas muito fofas, de fácil transporte e que não pesam quase nada. Pode colocar na mala.

Tortas de Aceite

As Tortas de Aceite são uma iguaria tradicional da Andaluzia, que até hoje continuam sendo elaboradas da mesma forma que há um século. São como bolachas grandes e quebradiças, com formato arredondado, feitas manualmente com azeite de oliva virgem extra e outros ingredientes, incluindo o anis.

  • Quais marcas comprar: uma das marcas mais tradicionais é a excelente Inês Rosales. Já experimentamos marcas genêricas de diferentes supermercados com resultados nem sempre satisfatórios. Vale a pena comprar antes para experimentar e decidir qual marca agrada mais seu paladar.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano. Compre no final da sua viagem, para garantir a frescura das tortas.
  • Transporte: as Tortas de Aceite são vendidas em pacotes estruturados com plástico e envoltas, uma a uma, com papel parafinado (que contribui à sua conservação). São muito frágeis e por isso a bagagem de mão é o melhor lugar para transportá-las.

Arroz bomba

O Arroz bomba (ou tipo bomba) é a principal variedade de arroz usada para elaborar a paelha. É um arroz com um grão curto e mais arredondado que tem a propriedade de absorver mais caldo que outros tipos de arrozes. Então, se você tiver vontade de recriar uma deliciosa paelha, de volta em casa, não esqueça de comprar seu ingrediente principal.

  • Quais marcas comprar: se você não for um especialista em arrozes espanhóis, qualquer marca que indique “Bomba” deve servir.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: os pacotes podem ser acomodados tranquilamente na mala. Coloque em um saquinho plástico para evitar que, no caso de abertura acidental do pacote, sua mala fique parecendo uma festa de um casamento.

Azafrán

A Espanha conta com uma produção importante de azafrán (açafrão), que é um ingrediente fundamental da paelha. As maiores regiões produtoras são Aragón e Castilla-La Mancha.

  • Quais marcas comprar: procure açafrão da Denominación de Origen Castilla-La Mancha. O açafrão de Aragón também é de ótima qualidade.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: os pequenos e leves pacotes com açafrão, um produto que não tem risco de quebrar, podem ser tranquilamente transportados dentro da sua mala.

Pipas

As pipas são, muito provavelmente, o salgadinho mais popular da Espanha. Um pacote de pipas contém sementes de girassol torradas, que podem ser comidas em qualquer momento e em qualquer lugar. Aprender a comer pipas não é para qualquer um, e os espanhóis são craques abrindo as pipas com os dentes, em grande velocidade e com uma técnica refinada ao longo dos anos. As pipas são um bom acompanhamento das bebidas. Em muitos bares da Espanha é comum servir um potinho com pipas (e/ou quicos) acompanhando a cerveja. Uma combinação gloriosa! Há pipas com sal ou sem sal, prefira as primeiras.

  • Quais marcas comprar: há diversas marcas ótimas, o ideal seria testar alguma marca antes de se arriscar com a compra para levar para casa.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: os pacotes podem ser acomodados tranquilamente na mala.

Quicos

Os quicos (também kikos), um nome popular para o maíz tostado, são um salgadinho incrivelmente popular na Espanha, superados unicamente pelas pipas. Um pacotinho de quicos contém grãos de milho torrado, que normalmente são consumidos como acompanhamento de alguma bebida. Em muitos bares da Espanha é comum servir um potinho com quicos (e/ou pipas) acompanhando a cerveja. Uma combinação gloriosa!

  • Quais marcas comprar: há várias marcas ótimas, mas gostamos especialmente dos quicos da marca Mister Corn.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: os pacotes podem ser acomodados tranquilamente na mala.

Trufa

A Espanha é responsável pela produção de 40% da trufa no mundo. Estamos falando do fungo comestível e não do bombom. Além de trufa fresca, e possível comprar muitas preparações contendo trufa, como azeites ou cremes.

  • Quais marcas comprar: quase todas as marcas que oferecem produtos com trufa são altamente especializadas.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e lojas gourmet como La Chinata.
  • Quando comprar: os produtos elaborados com trufa podem ser comprados os 12 meses do ano.
  • Transporte: os pacotes podem ser acomodados tranquilamente na mala.

Pimientos del piquillo

O Pimiento del piquillo é um tipo de pimentão vermelho e pequeno muito popular na culinária do norte da Espanha. Para seu preparo, o pimentão é assado em forno à lenha. Pode ser servido temperado com azeite e ervas ou pode ser recheado com ingredientes como bacalhau ou atum. Se você tiver a chance de experimentar os pimientos del piquillo durante sua estadia na Espanha, não perca a oportunidade! Nas lojas, eles são vendidos em latas.

  • Quais marcas comprar: a maioria das marcas são de boa qualidade. Confira a embalagem com atenção muitas marcas de pimiento del piquillo não são um produto da Espanha, sendo importados do Peru.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: as latas ou potes (embalados e protegidos) podem ser acomodados tranquilamente na mala.

Ventresca de atún

A variedade de produtos do mar à venda na seção de enlatados do supermercado é simplesmente estonteante. A Espanha é a primeira potência mundial na produção de enlatados de peixe e marisco. Entre tantos produtos e variedades, indicamos a ventresca de atún, uma parte muito nobre e especialmente saborosa do atum.

  • Quais marcas comprar: a maioria das marcas são de boa qualidade.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: as latas podem ser acomodadas tranquilamente na mala.

Mazapán

O mazapán (marzipã) é um doce de origem árabe muito popular na Espanha. É elaborado misturando amêndoas moídas, açúcar de confeiteiro e clara de ovo. Como está composto praticamente de amêndoas tem um sabor e aroma únicos. A massa pode ser moldada com diferentes formas, pincelada com gema de ovo e rapidamente passada pelo forno para que fique com um tom moreno. É um doce compacto, de sabor suave e delicioso. Os mazapanes mais famosos da Espanha são elaborados em Toledo, mas podem ser comprados em qualquer cidade do país.

  • Quais marcas comprar: a maioria das marcas Têm boa qualidade.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação, supermercados e, no caso de Toledo, em conventos também (nosso Toledo em um dia contém dicas de 5 lugares para comprar os melhores mazapanes da cidade).
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: os mazapanes podem ser acomodados tranquilamente na mala.

Jamón serrano

O presunto curado é uma das grandes iguarias da Espanha. Existem inúmeros tipos de presunto curado, e até diferentes nomes para ele (“jamón serrano”, “jamón curado”, “jamón ibérico”,…). Transportar uma peça completa de presunto curado de volta para a casa está fora de cogitação, mas sempre existe a possibilidade de comprar jamón en lonchas, isto é, presunto fatiado. Escolha o presunto fatiado embalado a vácuo e faça a compra antes de voltar para casa, sendo que é melhor conservar o presunto refrigerado.

  • Quais marcas comprar: é impossível indicar uma única marca, a Espanha conta com inúmeros produtores de presunto curado. Via de regra, quanto mais caro for o presunto, melhor será a qualidade.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: as embalagens podem ser acomodadas tranquilamente na mala.

Fuet

Os espanhóis são viciados em embutidos. O presunto curado é o produto mais conhecido, mas há muito mais além do jamón. Um produto delicioso, e fácil de transportar, e o fuet. É um curado típico da Catalunha, mas que pode ser encontrado na Espanha toda. É elaborado com carne de porco, sal e pimenta-do-reino. Está recoberto por uma camada branca (comestível), resultado do processo de curação da carne. Tem quem coma o fuet com a camada branca, tem quem prefere retirá-la antes de comer.

  • Quais marcas comprar: a maioria das marcas que você encontrará têm um fuet de qualidade.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: as embalagens podem ser acomodadas tranquilamente na mala.

Mantecados e polvorones

Os mantecados e os polvorones são dois doces típicos e muito tradicionais, associados principalmente com o período do Natal. Os dois são de origem andaluz, mas também são produzidos em outras regiões da Espanha. Os dois produtos são uma bomba calórica, tendo como um dos principais ingredientes a banha de porco.

  • Quais marcas comprar: a maioria das marcas que você vai encontrar têm mantecados e polvorones de qualidade. Os mantecados mais famosos são elaborados em Estepa, Antequera, Toledo e Tordesillas. Os polvorones de maior qualidade são elaborados em Estepa e San Lúcar de Barrameda.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: será mais fácil encontrá-los nas datas próximos do Natal, mas são consumidos durante os 12 meses do ano.
  • Transporte: as embalagens podem ser acomodadas tranquilamente na mala.

Caramelos con piñones

Para quem adora um docinho, os caramelos con piñones são uma iguaria. São balas muito tradicionais elaboradas com açúcar, leite e piñones (pinolis, o pinhão do pinheiro europeu).

  • Quais marcas comprar: a marca mais tradicional e de maior qualidade é El Caserío, da região de Navarra.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Quando comprar: os 12 meses do ano.
  • Transporte: as embalagens podem ser acomodadas tranquilamente na mala.

Obleas

As obleas são uma delíciosa sobremesa artesanal que data do século XV. Sua origem está relacionada às hóstias usadas na missa, mas posteriormente o produto começou a ser comercializado, até hoje. As finas delícias, em formato de disco muito finos, são elaboradas com água, açúcar, farinha e ovo.

  • Quais marcas comprar: a maioria das marcas que você vai encontrar têm obleas de qualidade. Procure obleas artesanas.
  • Onde comprar: em lojas de alimentação e supermercados.
  • Transporte: as obleas são muito frágeis. Na bagagem de mão, vão ocupar muito espaço, por isso o melhor seria colocá-las na mala de maior tamanho e torcer para que não cheguem completamente esfareladas.

E o vinho e o azeite?

A Espanha é uma potência mundial na produção de vinho e azeite, que são dois dos seus produtos alimentícios mais reconhecidos. Apesar de existirem ótimas soluções para transportar vinho na mala (e azeite também), decidimos não incluí-los na nossa lista. A única razão é que a logística de transporte e mais complicada no caso do vinho e o azeite que no caso dos restantes produtos mencionados na lista.

Posso entrar no Brasil com os produtos da lista?

As regras que regulam a entrada de alimentos no Brasil sofreram uma mudança em 2016. Todos os produtos da nossa lista podem ser introduzidos no Brasil. Entre os produtos de origem animal que podem ser introduzidos no Brasil (veja o texto oficial aqui) estão:

  • produtos cárneos industrializados destinados ao consumo humano (esterilizados comercialmente, cozidos, extratos ou concentrados de carne, etc).
  • produtos lácteos industrializados (doce de leite, leite em pó, manteiga, creme de leite, queijo com maturação longa, requeijão, etc).
  • produtos derivados do ovo (ovo em pó, ovo líquido pasteurizado, clara desidratada, etc).
  • pescados (salgado inteiro ou eviscerado dessecado, defumado eviscerado, esterilizado comercialmente).
  • produtos de confeitaria que contenham ovos, lácteos ou carne na sua composição.

O detalhe da instrução normativa nº 11, de 10 de maio de 2016, pode ser consultada aqui.

10 comentários em “comidinhas espanholas para levar para casa”

  1. Avatar

    Excelente artigo!

    Eu vou viajar em setembro/17, e estava pensando se era possível trazer um jamón curado pequeno.
    Trazer elas em fatias é uma boa!

    Outra coisa: que eu saiba, todos os alimentos não podem ser levados na bagagem de mão, elas têm que estar naquela q vai para o porão. Certo?

    Abs!

    1. Avatar

      Bom dia, Fredo. O problema é que não existem “jamones curados” pequenos, eles são sempre grandes (peças de uns 7 kg) e complicados de transportar em qualquer mala. O que você pode comprar é um “taco de jamón” grande, que é um pedaço do presunto, sem o osso. Não existe nenhuma restrição sobre o transporte de alimentos na bagagem de mão. Se o alimento é aceito no seu país de destino, não importa se ele seá transportado na mala ou na bagagem de mão (sempre lembrando da restrição de transporte de líquidos na bagagem de mão). Abraço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima