Menu

bodega Ysios em La Rioja Alavesa

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

A bodega Ysios é um dos atrativos mais modernos e espetaculares na famosa região vinícola de La Rioja Alavesa, o paraíso do enoturismo. O nome Ysios é uma homenagem a Isis e Osiris, dois deuses egípcios associados ao mundo do vinho.

Ysios ocupa um moderno prédio ao pé da Sierra de Cantabria, a poucos quilômetros da linda cidadezinha de Laguardia, a capital de La Rioja Alavesa. O prédio, inaugurado em 2001, é obra do famoso arquiteto espanhol Santiago Calatavra.

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

Temos um relacionamento de amor e ódio com Calatrava e sua obra. Muitas das suas obras são cativantes, e Ysios é provavelmente um dos melhores exemplos. Mas os projetos de Calatrava estão marcados pelo custo exorbitante, quando comparado com obras de arquitetos menos famosos, além de escândalos de superfaturamento e defeitos na execução. Tudo isso acaba custando muito caro no bolso do contribuinte, quando se trata de uma obra pública. No caso de Ysios, um projeto privado, os problemas de execução geraram uma demanda milhonária por parte da dona da bodega contra o arquiteto e a construtora, por conta de infiltrações na estrutura do prédio e persistentes problemas de umidade.

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

No caso de Ysios, foi amor à primeira vista. Quando observadas de longe (a bodega pode ser facilmente avistada a partir de vários mirantes no alto de Laguardia), a integração do prédio na paisagem é extraordinária. As paredes da bodega estão recobertas com lâminas de madeira. Também são de madeira as vigas superiores, que desenham uma superfície ondulada, com acabamento de alumínio nos extremos. Vista de longe, a silhueta do prédio lembra um armazém com barricas de vinho dispostas uma ao lado da outra no sentido horizontal, acompanhando a silhueta das montanhas que emolduram o cenário.

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

Ysios pertence ao grupo francês Pernod Ricard, e está especializada na elaboração de vinhos de altíssima qualidade. A bodega unicamente produz vinhos reserva, aqueles com um processo de envelhecimento mínimo de 36 meses.

Para a elaboração dos vinhos é utilizada uva do tipo Tempranillo, considerada tipicamente espanhola. Em La Rioja, 60% da produção de vinhos com denominação de origem utiliza a uva Tempranillo.

A visita à bodega

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

Ysios oferece visitas guiadas à sua bodega. A visita tem uma duração aproximada de uma hora e 15 minutos, e está dividida em três partes diferenciadas, uma visita pela parte externa da bodega, uma visita interna e, finalmente, uma degustação de vinhos.

A visita começa na frente da bodega, onde os visitantes recebem informações sobre a origem das uvas usadas para produzir os vinhos de Ysios. As videiras chegam até quase a porta da bodega, mas a maioria da produção tem como origem terrenos nos municípios de Laguardia, onde está Ysios, e Elvillar. Além de videiras com 30 anos de idade, existe um terreno onde as videiras somam mais de 80 anos. Produzem uma uva de qualidade extraordinária que é utilizada para elaborar os vinhos da Ysios Edición Limitada.

A proximidade da serra protege os vinhedos da influência do mar, criando um microclima na região, favorável ao cultivo da uva.

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

Finalizada a explicação ao ar livre, os visitantes entram na bodega por uma lateral, seguindo o caminho da uva depois da colheita. Diferente de outras bodegas,a colheita aqui é feita manualmente para preservar ao máximo a integridade dos grãos de uva.

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

Logo mais o visitante percebe que o deslumbrante desenho exterior das bodegas tem sua continuação no interior, com o uso de madeira e os grandes vãos livres.

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

No interior é explicado o processo de elaboração do vinho e a filosofia de trabalho de Ysios. Um dos pilares do trabalho de Ysios é o foco na produção de um único tipo de vinho, o reserva, o que permite concentrar todos os esforços na melhora dessa variedade.

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

Atravessando a área onde estão as barricas (os tóneis onde o vinho repousa e envelhece), a parte final da visita ao interior da bodega leva o visitante ao espaço onde são armacenadas as garrafas que aguardam sua saída ao mercado.

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

Finalizado o percurso, os visitantes são levados até um grande espaço com uma espetacular janela com vistas das videiras que estão diante da bodega. É a hora de apreciar os vinhos da marca Ysios!

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

A degustação segue as explicações da guia, que dá orientações de como realizá-la para quem não está familiarizado com a degustação de um vinho, esclarecendo quais são as características e qualidades que devem ser valoradas. Para acompanhar os vinhos, há vários embutidos da região.

Informações práticas

A visita à bodega Ysios deve ser reservada previamente. Não é possível chegar na bodega e contratar a visita na hora. São poucos horários por dia e os grupos são reduzidos. O site para fazer sua reserva é este.

Há visitas em espanhol, inglês e francês, cada uma em um horário diferente do dia.

As crianças menores de 16 anos não pagam pela visita, mas é necessário reservar uma vaga para elas também.

Como chegar na bodega Ysios

A bodega Ysios fica a dois quilômetros de Laguardia. Veja sua localização exata no mapa aqui.

Unicamente é possível chegar nelas de carro alugado ou de táxi.

Dúvidas sobre a bodega Ysios?

bodegas Ysios, La Rioja Alavesa

Se você tiver alguma dúvida sobre as bodegas Ysios, aproveite a caixa de comentários abaixo para perguntar!

6 comentários em “bodega Ysios em La Rioja Alavesa”

  1. Avatar

    Eu não teria problema em caminhar, tanto na ida como na volta. Só não sei se é acessível, mas se carro chega, andando também né? Bem próximo da Ysios tem outras bodegas, recomenda a visita? Quais?

    1. Tony | ESPANHA TOTAL
      Tony | ESPANHA TOTAL

      Andando você vai chegar sem problemas. Na ida, é tudo descida. Já na volta… há outras bodegas, próximas para quem está de carro, muito distantes para ir a pé. Pode ser que tenha alguma bodega na própria Laguardia, pergunte no escritório de turismo, onde contam com informações atualizadas sobre o assunto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima