Menu

10 atrações imperdíveis de Madri

Definir uma atração como imperdível é algo muito subjetivo. Os interesses pessoais são muito diferentes e o que agrada a uns pode não interessar a outros. Veja um bom exemplo, o Santiago Bernabéu, o estádio do Real Madrid, pode ser uma visita imperdível para quem gosta de futebol ou torce pelo Real Madrid, enquanto pode ser totalmente dispensável para quem não gosta do esporte ou do time.

Pensando nisso, elaboramos uma seleção de lugares e atrações imperdíveis em Madrid, acompanhada de comentários que esclarecem nossa escolha.

A lista de atrações imperdíveis pode ser o básico para sua visita a Madrid, lugares que você não pode deixar de ver e conhecer na cidade.

1. O “Madrid de los Austrias”

atrações imperdíveis de Madri

A dinastia dos Austrias (1516-1700) criou em Madri o que hoje é conhecido como centro histórico da cidade, com prédios que evocam lembranças do passado imperial da Espanha, o maior império conhecido no planeta. Como uma referência para honrar esse passado, esta parte de Madri é conhecida como Madrid de los Austrias. Não deixe de visitar a Plaza Mayor, a Colegiata de San Isidoro, o Mercado de San Miguel, a Plaza de la Villa, a Catedral de la Almudena, o Palacio Real e a Plaza de Oriente.

O roteiro 1 do nosso Madri em 9 roteiros está dedicado a percorrer a Madrid de los Austrias.

2. A Plaza de Cibeles

atrações imperdíveis de Madri

A Plaza de Cibeles é uma praça com um complexo escultórico de mármore, no estilo neoclássico, que se tornou um símbolo de Madri: a Fuente de Cibeles. Quatro importantes prédios rodeiam a praça: o Banco de España, o Palacio de Buenavista, o Palacio de Linares e o Palacio de Cibeles. Este último é o prédio mais importante da Plaza. Antigamente Palacio de Telecomunicaciones, hoje é conhecido como CentroCentro. O prédio, que parece uma catedral, foi construído em 1909 para ser a sede da empresa de correios da Espanha. Em 2007, passou a ser a nova sede da Prefeitura de Madri. O terraço do CentroCentro permite contemplar todos os prédios ao redor da Plaza de Cibeles.

Os roteiros 2 e 5 do nosso Madri em 9 roteiros visitam a Plaza de Cibeles.

3. A Puerta del Sol

atrações imperdíveis de Madri

A Puerta del Sol é o lugar perfeito para começar a percorrer Madri. Esta praça, localizada no centro da cidade, é um dos lugares mais agitados de Madri. O nome da praça lembra uma porta que existia no lugar no século XV. Na parte leste da praça está a estátua de El Oso y el Madroño. Representa um grande urso de pedra e bronze que tenta comer a fruta de um madroño, uma árvore típica de Madri. Esta cena é um dos cartões-postais de Madri desde que foi introduzida no escudo da cidade no século XIII. No meio da praça há uma estátua equestre do rei Carlos III. A estátua do rei tem o olhar direcionado a um prédio de tijolos vermelhos, a Casa de Correos. Construído entre 1766 e 1768, hoje é a sede do governo regional da Comunidad de Madrid. No alto do prédio está o famoso relógio que é utilizado nas comemorações de Ano Novo. Na frente do prédio, uma placa no chão sinaliza o kilómetro cero, o marco zero para todas as estradas da Espanha.

Os roteiros 1 e 2 do nosso Madri em 9 roteiros visitam a Puerta del Sol.

4. O Parque del Retiro

atrações imperdíveis de Madri

O Parque del Buen Retiro, ou simplesmente Parque del Retiro, é um dos maiores parques de Madri. O parque pertenceu à monarquia espanhola até finais do século XIX, quando passou a ser um parque público. Esta magnífica área verde está repleta de lindas esculturas, monumentos, palácios e lagos. Recebe muitos eventos e é um lugar ideal para um passeio tranquilo. Originalmente, El Retiro era um conjunto de jardins que faziam parte do Palacio del Buen Retiro. Com o passar dos anos, os jardins se expandiram e se transformaram, especialmente depois de abrir as portas para o público em 1767. O Palacio del Buen Retiro foi usado até o final da época de Carlos III. A maior parte do palácio foi destruída durante a Guerra de Independencia (1807–1814) contra a França. Os jardins passaram a ser propriedade pública em 1868.

O roteiro 3 do nosso Madri em 9 roteiros percorre o Parque del Retiro.

5. O Paseo del Arte

atrações imperdíveis de Madri

Em um pequeno trecho, ao longo do Paseo del Prado e o Paseo de Recoletos, o visitante encontra uma imbatível concentração de museus e centros de arte de primeiríssimo nível mundial: uma área conhecida como Paseo del Arte (ou também como Triángulo del Arte). Os destaques no Paseo são o Museo del Prado, o Museu Thyssen-Bornemisza e o Museu Nacional Centro de Arte Reina Sofía. Mas também vale a pena conhecer o CaixaForum Madri, o Museo Arqueológico Nacional ou a Biblioteca Nacional de España.

Todos os museus mencionados são visitados em diferentes roteiros do nosso Madri em 9 roteiros.

6. O Palacio Real

atrações imperdíveis de Madri

O Palacio Real não é a residência da família real espanhola, que vive no Palacio de la Zarzuela, um antigo palácio de caça nas redondezas de Madri. Porém, o palácio ainda é usado para banquetes oficiais, cerimônias de estado e outros eventos importantes. A origem do palácio está no século IX, quando o reino muçulmano de Toledo construiu uma fortaleza, que depois seria usada pelos reis de Castela. No século XVI foi construída outra fortaleza no lugar. O palácio atual foi erguido no lugar anteriormente ocupado pelo Alcázar, destruído por um incêndio na noite de Natal de 1734. O rei Felipe V encomendou um palácio para sua dinastia e o trabalho de construção começou em 1738 e finalizou em 1755. O rei Carlos III, filho de Felipe V, mudou para o novo palácio em 1764. O Palacio Real seria a principal residência dos reis da Espanha até 1931, quando o rei Alfonso XIII partiu para o exílio, após o triunfo dos republicanos nas eleições.

O roteiro 1 do nosso Madri em 9 roteiros visita o Palacio Real. O roteiro 9 visita o Campo del Moro e os Jardines de Sabatini, ambos no Palacio Real.

7. A Gran Vía

atrações imperdíveis de Madri

A Calle Gran Vía é uma avenida muito movimentada que começa na Calle de Alcalá e termina na Plaza de España. É famosa por suas lojas e também por ser a rua que nunca dorme, devido a sua lendária vida noturna. Ao longo do caminho você irá ver inúmeras lojas, hotéis e teatros. Os madrilenhos a chamam de a “Broadway espanhola”. Na metade do século XIX, os urbanistas de Madri resolveram criar uma nova e grande avenida. Décadas mais tarde, a construção ainda não tinha começado e a imprensa ridicularizou o projeto, chamando-o de “Gran Vía”. O projeto foi finalmente aprovado em 1904 e a construção começou dois anos mais tarde. O último trecho da avenida foi concluído em 1929. A avenida é considerada uma vitrine de estilos arquitetônicos do século XX, incluindo a secessão vienense, o plateresco, o neo-mudéjar e o art déco.

O roteiro 5 do nosso Madri em 9 roteiros percorre a Gran Vía do começo até o fim.

8. Chueca y Malasaña

atrações imperdíveis de Madri

Chueca e Malasaña são dois bairros tradicionais de Madri que ficam fora dos circuitos turísticos tradicionais da cidade. Chueca é o bairro onde você vai encontrar os cantinhos mais alternativos e boêmios de Madri, em grande parte porque é o bairro GLS da cidade, mas também por ser o distrito predileto de jovens de origens muito diversas. Como é de se esperar, em Chueca há uma grande variedade de bares e boates, além de lojas modernérrimas e únicas. Malasaña já foi o centro da Movida Madrileña, a revolução contracultural que seguiu o fim do franquismo e que teve seu auge na década de 1980, com muita música, liberdade de expressão e drogas também. Hoje é um distrito mais burguês que se transformou no paraíso dos boêmios e dos modernos. As ruas estão lotadas de arte pop, lojas com marcas locais e internacionais, e lojas alternativas com músicas de todos os gêneros.

O roteiro 6 do nosso Madri em 9 roteiros percorre os bairros de Chueca e Malasaña.

9. O Templo de Debod

atrações imperdíveis de Madri

O Templo de Debod é a única peça de arquitetura egípcia que pode ser vista na Espanha. Foi construída originalmente a 15 km ao sul de Assuã, no sul do Egito, muito próximo da primeira catarata do Nilo. Em 1960, a ameaça ao patrimônio arqueológico, representada pelo projeto de construção da repressa de Assuã, obrigou a UNESCO a realizar um chamado aos países do mundo, solicitando ajuda para tentar preservar o rico legado histórico da região. Como gratidão pela ajuda recebida para salvar o complexo de Abu Simbel, em 1968 o governo de Egito doou o templo de Debod à Espanha.

O roteiro 5 do nosso Madri em 9 roteiros visita o Templo de Debod.

10. El Rastro

atrações imperdíveis de Madri

A maior feirinha ao ar livre de Madri, El Rastro, acontece de 9h a 15h, todos os domingos e feriados, ao redor da Plaza de Cascorro. A feirinha atrai muitos moradores de Madri e também turistas, que buscam produtos novos e usados. Uma das maiores feirinhas da Europa, El Rastro ocupa várias ruas do bairro de La Latina.
A feirinha se estabeleceu na Idade Média, a partir da Plaza de Cascorro. Se extende em direção ao rio Manzanares e seu principal endereço é a Calle Ribera de Curtidores, onde no passado ficava a indústria de processamento do couro cru. O evento costuma atrair uma multidão e, apesar de não ser perigoso, é bom tomar cuidado com seus pertences.

Outras informações sobre Madri no Espanha Total

dicas sobre Madri
onde se hospedar em Madri
informação sobre Barajas, o aeroporto de Madri
hotéis próximos do aeroporto de Madri
como sair do aeroporto de Madri
como ir do aeroporto de Madri até a estação de Atocha
como ir do aeroporto de Madri até a Puerta del Sol
como se locomover em Madri
dicas sobre o metrô de Madri
dicas sobre os ônibus de Madri
dicas sobre os trens de Madri
dicas sobre os táxis de Madri
dicas sobre segurança em Madri
atrações gratuitas em Madri
os melhores bate-voltas a partir de Madri
passes turísticos em Madri
guarda-volumes na estação de Atocha
guarda-volumes no aeroporto de Madrid Barajas
Las Rozas Village, outlet de luxo próximo de Madri

Madri em 9 roteiros

Veja Madri em 9 roteiros, nosso guia com tudo o que você precisa saber para aproveitar Madri ao máximo.

34 comentários em “10 atrações imperdíveis de Madri”

    1. Avatar

      Que ótimo, Andreia, ficamos muito felizes. Se você quiser compartilhar alguma dica com os demais leitores, aqui nas caixas de comentários do site, ficaremos ainda mais felizes. Abraço.

  1. Avatar

    Boa tarde, Tony

    Vou estar em Madri durante a Semana Santa. As filas costumam ser longas nessa época? Devo comprar o ingresso antecipado para o Palácio Real, Museu do Prado e Reina Sofia?

    1. Avatar

      Prezada Luciana, durante o feriado da Semana Santa Madri recebe bastantes turistas nacionais e europeus. A celebração da Semana Santa na capital não conta com nenhuma tradição, mas muitas pessoas aproveitam os dias de do feriado para visitar a cidade. A compra de ingressos antecipados, principalmente para os três lugares mencionados por você, pode ser uma ótima ideia. Abraço.

  2. Avatar

    Tony, boa tarde. Sobre a tarjeta turistica, compensa comprar? No caso vou fazer bate-volta para Toledo. Como funciona para pegar o trem para Toledo? E atende também outras cidades próximas? Obrigada

    1. Avatar

      Bom dia, Mirian. Antes de comprar um cartão turístico, você precisa avaliar se, no seu caso, o investimento compensa. Via de regra, eles são bons quando você está planejando visitar muitos lugares pagos em um curto espaço de tempo. Na página 23 do Madri em 9 roteiros apresentamos os dois cartões turísticos e explicamos como funciona o “Billete turístico” para viajar até Toledo (unicamente de ônibus, o billete turístico não é válido para viajar no trem-bala) e outras cidades da Comunidade Autônoma de Madri. O link atualizado com informações sobre o Billete turístico é este. Abraço.

  3. Avatar

    Boa noite Tony!
    Primeiramente, parabéns pelo site, o mesmo possui várias informações importantes e valiosas que estão ajudando a formular meu roteiro que será somente de 2 ou 3 dias. No entanto senti falta do quesito gastronomia, pois os locais muito turísticos, além de mais caros não são tão bons. Poderias indicar alguma coisa? Não só em Madrid como também Barcelona.

    1. Avatar

      Bom dia, Deise. Nosso Madri em 9 roteiros contém muitas dicas de bares e restaurantes espalhados pela cidade toda, para todos os bolsos e gostos. Contamos com um site completo dedicado à cidade de Barcelona, é o passaporte BCN. Nele você vai encontrar uma completa seção dedicada à comida, com muitas dicas também de bares e restaurantes. Abraço.

  4. Avatar

    Bom dia Tony. Irei para Madrid com a familia em abril e meu filho gostaria de visitar o estadio do Real Madrid. Quanto tempo em média demora a visita? É possível combinar com algum dos roteiros do seu Guia? Parabens pelo site! Bia

    1. Avatar

      Bom dia, Bia, a visita pode demorar mais ou menos dependendo do interesse de quem a faz. Calcule entre uma e duas horas. Pode ver todos os detalhes da visita, em português, aqui. Não incluimos a visita em nenhum roteiro do guia porque o estádio fica bastante fora de mão. Você vai ter que pegar o metrô para chegar nele de qualquer jeito. Se você não fizer o Museu del Prado, poderia combinar o estádio com o Parque del Retiro, por exemplo. Abraço.

  5. Avatar

    Boa noite, Tony! estarei dia 1 de maio de 2017 em Madrid. Verifiquei que várias atrações não funcionarão neste dia, a exemplo do museu do Prado. Eu gostaria de saber se o parque do retiro funciona no feriado de 1 de maio. Desde já agradeço!

  6. Avatar

    Boa Noite Tony,

    No final de fevereiro, os museus (Prado e Reina Sofia) tem filas grandes para entrar? Aconselha comprar os ingressos com antecedência pela internet?
    Obrigado

    1. Avatar

      Bom dia, Lucas. O Museu del Prado costuma ter filas ao longo do ano, mesmo na temporada baixa. Às vezes, uma exposicão temporária acaba levando muitos mais visitantes até o museu. Indicaríamos a compra antecipada do ingresso para o Museu del Prado. Já para o Reina Sofia, fora do horário gratuito de visitação, não deve ser um problema comprar o ingresso na hora. Abraço.

    1. Avatar

      Bom dia, Andrea. O Museu del Prado costuma ter filas qualquer dia da semana, em qualquer horário. Pode ser uma boa ideia comprar o ingresso antecipadamente. O Palacio Real também costuma ter filas, se você for visitá-lo durante o horário pago, vale a pena comprar o ingresso antecipadamente. Os demais ingressos podem ser comprados na hora. Se você for aproveitar o horário de visitação gratuita das atrações (veja mais detalhes no texto atrações gratuitas em Madri) saiba que as filas costumam ser gigantescas. Abraço.

      1. Avatar

        Tony,
        Vi que o Museu del Prado tem visitação grátis no domingo e o Palácio Real na segunda.
        Você acha que é uma roubada ir nesses dias?
        Devido as filas serem gigantescas, corro o risco de não conseguir entrar dentro do período grátis?
        Abraço

        1. Avatar

          Andrea, na verdade tanto o Museu del Prado quanto o Palácio Real contam com vários dias de visitação gratuita, não é unicamente no domingo ou na segunda (veja os detalhes em atrações gratuitas em Madri). Em ambos lugares as filas são gigantescas. No Museu del Prado, vale a pena encarar a fila se você for conhecer uma obra específica, é muito pouco tempo para percorrer o museu e ele vai estar super lotado. No caso do Palácio Real, como a visita é mais rápida, pode valer a pena chegar na fila 40 minutos antes para conseguir entrar logo depois do começo do horário livre. Abraço.

  7. Avatar

    Bom dia equipe, vi que no Real Alcazar tem opção para venda web de jubilados. Sabem a partir de quantos anos eles consideram jubilados lá na Espanha? Meus pais tem 65 e 66 anos, seria possivel comprar jubilados para estrangeiros? So passaporte comprova? No aguardo. Abraço.

    1. Avatar

      Bom dia Adriana, ficamos um pouco confusos. Qual seria o Real Alcázar de Madri? Existia um Real Alcázar no local ocupado hoje pelo Palácio Real. Você está falando do Palácio Real? Aguardamos seu esclarecimento.

      1. Avatar

        Eita q eu tbm fiz a pergunta no lugar errado. É em Sevilha o Real Alcazar. Farei minha pergunta lá no lugar certo. Mas aproveitando aqui, o palácio de Madrid tem filas imensas como dito em Sevilla q tem q comprar pela net tbm?

        1. Avatar

          Adriana, o Palácio Real costuma ter filas imensas no horário de visitação gratuito. Pode formar filas também durante o dia, especialmente no período da manhã, quando chegam os grupos. Se quiser garantir uma entrada rápida, compre antecipadamente. Abraço!

          1. Avatar

            Obrigada, como estarei no fim de semana não tem horarios gratuitos. E se puder confirmar, vi no site que a estrada reduzida para jubulados é apenas para residentes da UE ou iberoamericanos (em Sevilla não vi essa descrição, espero q seja para todos mesmo). No aguardo.

  8. Avatar

    Olá Tony, estava olhando o site da prefeitura de Madri e vi que o Templo de Debod está fechado para manutenção, não tem data de publicação e nem informações do período que ficará fechado, então fiquei na dúvida, será que está desatualizado? Estarei em Madri do dia 03 ao dia 06 de fevereiro agora, agradeceria muito se pudesse me ajudar a conferir isso ou me indicasse um outro local para eu me informar melhor.

    1. Avatar

      Bom dia, Claudiane. O interior do Templo de Debod está fechado para uma manutenção relacionada com o sistema de ar condicionado. Deve reabrir no final de fevereiro. Mas a parte externa do monumento pode ser visitada, e continua valendo muito a pena. Abraço.

  9. Avatar

    Ótimo, vou na parte externa sim, com certeza! Agradeço de coração! Estou terminando o planejamento da minha viagem, que ficou muito mais fácil graças ao seu site, abraço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima